FAZENDA DESCALVADO

Bombeiros controlam incêndio que ameaçava patrimônio cultural em MT

Equipe com bombeiros e militares do Exército atuaram no combate ao fogo na região de Cáceres
1 de setembro de 20204min
fazenda

Nesta terça-feira (01.09) foi controlado o incêndio que ameaçava a Fazenda Descalvados, patrimônio histórico e cultural localizado na margem direita do Rio Paraguai a 135 km da cidade de Cáceres. Segundo informações da Sala de Situação Descentralizada do Comando Regional V (SSD/CRBM-V), os focos de fogo começaram no dia 21 de agosto, longe da sede, mas devido às condições climáticas o incêndio passou a ameaçar a fazenda no dia 27.

O Ciman foi acionado e disponibilizou uma equipe de 13 combatentes, sendo dois bombeiros e onze militares do Exército Brasileiro. Nos dois primeiros dias de trabalho, a guarnição concentrou os esforços em proteger a sede da Fazenda Descalvados e criar uma frente de combate para impedir que fogo chegasse à Unidade de Conservação Federal Estação Ecológica de Taiamã e pulasse o rio Paraguai. No sábado e no domingo (29 e 30/08) equipes construíram aceiros para proteger as residências dos ribeirinhos.

Na segunda-feira (31.08) houve uma reignição do foco dormente próximo à sede da Fazenda e foi realizado o combate durante todo o dia, controlando a situação nesta terça-feira (01/09). A equipe também recebeu o apoio dos atuais proprietários da Fazenda, que disponibilizaram maquinários para construção de aceiros, a fim de evitar maiores danos ao patrimônio.

“Além da construção de aceiros, equipes realizaram o combate direto a vários focos que ameaçavam adentrar a sede do patrimônio histórico e cultural. Sem dúvida, seria um grande prejuízo cultural para a história de Mato Grosso, caso o fogo atingisse o local”, relatou o Tenente Coronel BM Vicente, Comandante Regional V.

Histórico

A Fazenda Descalvados foi tombada em 2001 pela Secretaria de Estado da Cultura do Mato Grosso e sediou uma indústria de caldo de carnes no século XIX. Nesse período, toneladas de carne enlatada eram enviadas para os Estados Unidos e Europa.

Atualmente pertence a uma família de Cáceres e todo o parque industrial está desativado e parte em ruínas. A Fazenda teve grande destaque na pecuária, sendo especialista na produção do caldo de carne. Descalvados, assim como as demais fazendas históricas e usinas de açúcar que estão situadas na Bacia Pantaneira, às margens do rio Paraguai é um dos mais significativos testemunhos da dinamicidade histórica cultural de Mato Grosso, rico por sua diversidade. Atualmente abriga uma Unidade de Pesquisa da UNEMAT.

Por Da Redação
Fotos: Reprodução

Deixe uma resposta


Sobre Nós

CNPJ: 35.582.297/0001-25

Jornalista Responsável

José Maria do nascimento

DRT: 0002633/MT


Contato

Ligue para nós



Mais Lidas

12 de junho de 2021

Bombeiros controlam incêndio que ameaçava patrimônio cultural em MT

12 de junho de 2021

Bombeiros controlam incêndio que ameaçava patrimônio cultural em MT

12 de junho de 2021

Bombeiros controlam incêndio que ameaçava patrimônio cultural em MT