Juiz dá 5 dias para Nadaf começar cumprir pena de 7 anos de prisão

Sem BANNER

11 de dezembro de 2020
448c228e53c11fd465b49ec080cb1e85

A decisão é do dia 7 de dezembro, mas foi publicada no Diário Eletrônico da Justiça nesta quinta-feira (10).

O juiz Jorge Luiz Tadeu Rodrigues mandou intimar o ex-secretário da Casa Civil da gestão do ex-governador Silval Barbosa, Pedro Nadaf, e a ex-servidora da Fecomércio/MT, Karla Cecília de Oliveira Cintra, a comparecerem na presença do juízo da Sétima Vara Criminal de Cuiabá para que os mesmos tenham conhecimento do início do cumprimento das suas penas no prazo de cinco dias, a contar do momento da notificação, e ainda fornecer endereço para intimação e comprovante de ocupação lícita, sob as penas da Lei.

Nadaf foi condenado a sete anos, dois meses e 27 dias de reclusão e 284 dias-multa. No entanto, apesar da condenação, Nadaf não irá para um presídio por ter feito acordo de deleção premiada com o Ministério Público Federal.

Karla Cecília foi condenada a três anos, oito meses e 20 dias de reclusão e 176 dias-multa.

A decisão é do dia 7 de dezembro, mas foi publicada no Diário Eletrônico da Justiça nesta quinta-feira (10).

Além dos dois, a condenação também atinge o ex-governador Silval Barbosa, com 13 anos, sete meses e vinte dias de cadeia e 630 dias-multa.

O ex-secretário de Fazenda, Marcel de Cursi, com 12 anos, um mês de prisão e 553 dias-multa.

O ex-procurador Francisco de Andrade Lima Filho com 15 anos, seis meses de prisão e 718 dias-multa.

O ex-chefe de gabinete, Silvio Cézar Correa Araújo com cinco anos, dois meses e 333 dias-multa.

As condenações são em decorrência das investigações no âmbito da Operação Sodoma, que investigou concessão de incentivos fiscais de forma irregular durante a gestão de Silval Barbosa.

O esquema consistia em receber propina ao incluir empresas que não tinham perfil para estar dentro do Programa de Desenvolvimento Industrial e Comercial (Prodeic).

travoltajunior


Deixe uma resposta

Curtir isso:

%d blogueiros gostam disto: