Veja vídeo: “Monte de Lixo”: Defendendo seu candidato moradora ofende servidores públicos de Acorizal

- Publicidade -

“Todos da Prefeitura são lixos”, esta fala foi dita por uma moradora da cidade de Acorizal, que ficou indignada com a matéria relatando a virada, mostrando que o povo decidiu pelo candidato Benna Lemes (DEM), para prefeito da cidade.

Veja Vídeo

O caso aconteceu na tarde da última quarta-feira, 21.07.2021, quando a moradora gravou um vídeo, queimando o exemplar de um jornal, chamando o trabalho de profissionais de bosta, e para agravar ainda mais a situação, ela falou:

“Assim que a gente faz, ó! Quando a gente sai na porta de casa, e, encontra um monte de “bosta”, a gente queima, já que a Prefeitura está com tanto dinheiro para fazer isso, vou ajudar jogar dinheiro fora, vai para o lixo, lixo, com monte de lixo que é vocês aí da Prefeitura”.

Neste caso, “nada é tão ruim, que não possa piorar”, segundo informações populares, a moradora que fez tal ofensa é profissional da educação, professora, ou seja, supostamente detentora de conhecimento, e para complicar mais ainda, ela seria também servidora pública municipal.

“Servidor público é uma categoria que trabalha da melhor forma possível, para atender a população, merece no mínimo respeito, se tem água na torneira, luz na sua cidade, ruas limpas, profissionais nas escolas, Postos de Saúde, na Assistência Social, são trabalhos realizados por servidores públicos, respeito”.

Os servidores públicos do município, ficaram desapontados com tal atitude da professora.

“Uma pessoa leiga, sem conhecimento, deferir tal frase, até pode ser irrelevante, agora para uma professora e servidora pública, ofender os próprios colegas de trabalho, por conta de suas escolhas, onde fica a democracia? Se a maioria decidiu por Benna Lemes, é porque o povo busca melhorar, o passado deixou prejuízos graves para Acorizal, é hora da cidade viver um outro momento, experimentar verdadeiramente o que é desenvolvimento”, disse um morador, que ficou decepcionado com a atitude da tal “professora”.

O assuntou tomou conta das redes sociais, essa já não é a primeira vez, que a disputa eleitoral, é pauta para ofensas, na semana passada o “malemá sabe lê”, tomou conta da cidade, virando marca para campanha de Benna Lemes.

A eleição suplementar de Acorizal está movimentando a cidade, com a formação de dois grupos bem distintos, que buscam comandar a Prefeitura, de um lado um grupo que representa os ex-prefeitos, Meraldo Sá, Chindo e Clodaldo Monteiro, e do outro, a formação de um novo grupo, liderado por Benna Lemes.

As particularidades de cada um são bem distintas, o grupo liderado por Meraldo Sá, representa o que todos já viveram, deixando Acorizal com uma das piores cidades da Baixada Cuiabana,  quando nome da cidade só aparecia no jornais nas páginas policiais, devido as denúncias e investigações, referente aos supostos desvios de recursos públicos, fato é que Meraldo Sá ganhou a eleição mas não levou.

“São todos averiguados por desvio de recurso público, mais de 100 processos investigados pela Justiça, que envolve Meraldo Sá, Diego Taques, Chindo e Clodoaldo Monteiro, será que são todos de mãos limpas”?

Do outro lado, existe o grupo de Benna Lemes, que em apenas seis meses, mostrou um novo formado de administrar o recurso público, investindo diretamente o que é do povo para o povo, resta saber agora, o que o eleitor vai preferir, o bem para todos, ou só para alguns, como era antes?

Foto: Marcelo Justo/Folhapress

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.