Nota do governo nega pagamento de emendas parlamentares em 2020

16 de julho de 2020
Secretaria-de-Fazenda-do-Estado-de-Mato-Grosso-Sefaz-10-agosto-de-2019-assessoria-990x556

Com relação à matéria “Líder recebe R$ 3,8 milhões de emendas e gera crise na base do governo”, publicada por um site em Cuiabá, o Governo de Mato Grosso esclarece que:

1. As informações contidas na matéria são inverídicas, pois nenhum deputado estadual recebeu emendas no valor de R$ 3,8 milhões, como a reportagem afirmou;

2. Desse valor que consta na matéria, R$ 400 mil são referentes a um convênio com o município de Carlinda, que tem emenda do deputado Dilmar Dal’Bosco. Os outros R$ 3,4 milhões são do orçamento próprio do Estado para projetos de infraestrutura e frutos de indicações de parlamentares e não de emendas impositivas.

3. O Governo reafirma que trabalha para cumprir os preceitos legais e que a liberação das emendas impositivas obedece a esse rito.

Deixe uma resposta

Curtir isso:

%d blogueiros gostam disto: