Nota do governo nega pagamento de emendas parlamentares em 2020

16 de julho de 20201min
Secretaria-de-Fazenda-do-Estado-de-Mato-Grosso-Sefaz-10-agosto-de-2019-assessoria-990x556

Com relação à matéria “Líder recebe R$ 3,8 milhões de emendas e gera crise na base do governo”, publicada por um site em Cuiabá, o Governo de Mato Grosso esclarece que:

1. As informações contidas na matéria são inverídicas, pois nenhum deputado estadual recebeu emendas no valor de R$ 3,8 milhões, como a reportagem afirmou;

2. Desse valor que consta na matéria, R$ 400 mil são referentes a um convênio com o município de Carlinda, que tem emenda do deputado Dilmar Dal’Bosco. Os outros R$ 3,4 milhões são do orçamento próprio do Estado para projetos de infraestrutura e frutos de indicações de parlamentares e não de emendas impositivas.

3. O Governo reafirma que trabalha para cumprir os preceitos legais e que a liberação das emendas impositivas obedece a esse rito.

Deixe uma resposta


Sobre Nós

CNPJ: 35.582.297/0001-25

Jornalista Responsável

José Maria do nascimento

DRT: 0002633/MT


Contato

Ligue para nós



Mais Lidas

12 de junho de 2021

Nota do governo nega pagamento de emendas parlamentares em 2020

12 de junho de 2021

Nota do governo nega pagamento de emendas parlamentares em 2020

12 de junho de 2021

Nota do governo nega pagamento de emendas parlamentares em 2020