FAVORITISMO

Francieli Magalhães e Giseli Ribeiro lideram pesquisa com 36,4% diz MT Dados

30 de outubro de 2020
mulheres
mt dados

Se a eleição fosse hoje, Francieli Magalhães e Giseli Ribeiro seriam eleitas, com a maioria dos votos, conforme apresentam os resultados do Instituto MT Dados Pesquisa e Marketing.

Na estimulada, o Instituto de MT Dado aponta uma ampliação na vantagem de Francieli Magalhães, se mantendo em primeiro lugar, com 36,40% das intenções de votos. Em segundo lugar, aparece Franklin Carvalho com 15,60%, e por último, Dudu Moreira, com 11,40% dos votos. Não souberam responder, 34%.

“Francieli venceria a eleição com o dobro dos votos do segundo colocado, 36,40% contra 15,60%”.

O Instituto MT Dados realizou também a pesquisa espontânea, quando novamente Francieli Magalhães aparece em primeiro lugar, com 34,40% das intenções de votos, seguido do Franklin Carvalho com 14, 20% e por último Dudu Moreira com 10,80%. Não souberam responder 40,60%.

“O dobro das intenções de votos permanece nesta modalidade de pesquisa, deixando Francieli bem distante do segundo colocado, 34,40% contra 14,20%”.

O Instituto MT Dados informou que a pesquisa foi realizada em Santo Antônio de Leverger, no período de 26 a 29 de outubro de 2020, com uma amostra representativa da população de 500 pessoas, sendo 256 homens e 244 mulheres, com a margem de erro de 4,31% para mais ou para menos.

A pesquisa utilizou o método tipo survey, que consiste na aplicação de um questionário estruturado a uma amostra de eleitores definida com base em dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e da Justiça Eleitoral.

Como aconteceu as escolhas dos candidatos

Hoje Francieli Magalhães e Giseli Ribeiro lideram a pesquisa nas intenções de votos com 36,40%, mas para que chegasse a essa porcentagem, muitas “águas correram por baixo da Ponte”.

Do lado da situação em que estão Francieli e Giseli, várias peças foram testados no tabuleiro do jogo político, inclusive o candidato a prefeito Dudu Moreira (PP), foi uma das apostas da coligação “Compromisso com Leverger”, porém não deslanchou nas pesquisas e foi descartado a possibilidade de concorrer pela coligação.

Do outro lado, tem o candidato Franklin Carvalho (PSDB), que desde da sua última campanha em 2016, que ficou em segundo colocado, colocou o seu nome novamente para a majoritária, inclusive um grupão chamada de G20, foi montado para que fosse feito um acordo entre os pretensos candidatos, o que não deu certo, já que Franklin foi o primeiro a desistir e sair do grupo, onde o velho ditado já dizia; “Caititu que anda fora do bando, vira comida fácil de Onça”.

Já a Francieli Magalhães, ganhou destaque  mesmo sem colocar seu nome na disputa, por pontuar com 4% das intenções de votos em uma das pesquisas, o que fez com que fosse escolhida para disputar com a chapa composta  por duas mulheres a disputa da majoritária.

Por Da Redação
Fotos: Reprodução

Deixe uma resposta

Curtir isso:

%d blogueiros gostam disto: